Presente do meu amor

"O valor das coisas não está no tempo em que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis." Fernando Pessoa

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Ex corde


Hoje tua beleza era excelsa

E como sempre não te falei

Te espero em um ato mesquinho

De quem é mesquinho

Mas te amo

Em lato senso da palavra amor

Mesmo assim não corro o risco

De conseguir te conquistar

Por não querer te perder

Já quis morrer

Desisti

Já nem sei o que quero

Desejo viajar nas tuas curvas

Beijar-te qual um homem faminto

Devora um prato de comida

E espero que goste de me devorar

Que me queira ao teu lado

Que me tenha no coração

Para que possamos viver

Juntos e felizes

Sonhar nunca é demais

Não custa nada

E sonho contigo todos os dias

Mas sonhos não se realizam

E sempre acabo contigo

Acho que a solidão não acaba

E morrer é viver sozinho

Pela eternidade

18 comentários:

exoticlic.com disse...

não posso ler coisas romanticas to abestada hoje

Tempestade disse...

"Por não querer te perder
Já quis morrer"

Esses versos aqui são muito profundos, e o texto todo lindo!
Beijos Tempestuosos!

Felipe disse...

Eita!!!
Gamou no cara mesmo!

A Madrasta Má disse...

Nossa, mas vc está muito inspirado! lindíssimo! Bjinhos da Madrasta!

Cansada de ser boazinha disse...

Belo poema!!!
Bjos!!

Elcio Tuiribepi disse...

OLá amigo...valeu a presença lá no verseiro...belo poema. Sonhos se realizam sim. acredite sempre...Um abraço na alma

Elcio Tuiribepi disse...

OLá amigo, valeu pela presença lá no verseiro. Um belo poema e sonhos acontecem sim, acredite...xiii...nem sei se o comentário seguiu, na duvida...lá vai...um abraço na alma...

Sonhar nunca é demais

Não custa nada

MARCOS LEITE(POETA D'ALMA) disse...

Quantas vezes vemos pessoas nas ruas é não ajudamos?Andamos pelas ruas vemos adolescentes vendendo seus corpos por um pouco de dinheiro, perdendo sua inocência, sua infância.
É triste ver essa realidade, essa realidade que transforma tudo, crianças nas ruas trabalhando, anjos que nem podem sonhar, pois tem medo de morrer por balas perdidas, mas que pena mesmo e que existe “anjos” que não dão valor a vida,e roubam,matam...mas existem anjos que mesmo não podendo viver de uma maneira melhor,tentam sonhar,e ter um futuro,sempre persistem em encontrar a felicidade.

As ruas dos anjos

Andando pelas ruas daquela cidade,
Eu via algo mais do que céu e prédios,
Via a fome e a miséria dos filhos de Deus,
Vir almas sedentas as dores da vida,
Dores que vão destruindo o espírito.

Continue lendo...

http://marcosleitte.blogspot.com

L. disse...

E eu "sonho com ele todos os dias"....

graciete disse...

OBRIGADO AMIGO
UM GRANDE BEM-AJA
BEIJO EM SUA ALMA

Madame disse...

Tá solteiro?

hahahaha

Mordidas

Sylvia disse...

... e morrer é viver sozinho pela eternidade... nossa, que lindo!

Bjs

Pelos caminhos da vida. disse...

Ao despertar para mais um dia, eleve o pensamento aos céus.

Alcance, pelo pensamento, as altas paragens onde reina a harmonia...

E já não ouvirá os sons estridentes da Terra, mas as melodias suaves dos Anjos, dos Arcanjos, dos Serafins, que são mais delicadas que as brisas da manhã quando brincam na folhagem dos bosques...

Eleve a alma ao Criador e sinta o perfume das flores celestes cultivadas nos mundos sublimes.

Busque a paz interior e, só então,
levante-se para ter um bom dia...

Obrigado pela visita.

beijooo.

Loira e Morena disse...

Quanta inspiração! Lindo demais!

Beijaooo da Morena!

L. disse...

Cade a foto do concurso?

L. disse...

Nem vou acreditar... rsrsrsrrs
Pode divulgar o concurso aqui?

EU SOU NEGUINHA disse...

Menino...
Teus posts tocam a alma...
Beijos
Nega

Deusa Odoyá disse...

Olá!!!
Como é bom vivermos desse amor sonhado.
Muito lindo, sensível e puro poema.
adorei e me emocionei com tanta riquiza de alma.
Fique na paz.
Beijinhos, amigo.
Regina Coeli.