Presente do meu amor

"O valor das coisas não está no tempo em que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis." Fernando Pessoa

sábado, 4 de dezembro de 2010

Teu olhar



Ah! o teu olhar...
Me leva longe, carrega
Deixa qualquer problema em segundo plano

Me conquistou (e ainda conquista)
Que me deixa sem vontade
Entregue aos teus caprichos

Nada me faz tão bem
Quanto ter a certeza de chegar em casa
Te olhar nos olhos
E sentir a paz que me acalma

Mas só o olhar não faz isso
O que me deixa assim
É o amor que seu olhar transmite
Refletindo o quanto eu te amo

domingo, 7 de novembro de 2010

Encontro/Busca


Ainda não conheci o amor
Somente amei
Eu vivi qual um sofredor
Mas de tanto sofrer, cansei
Senti muita dor
Pelo sentimento que rejeitei

Agora correspondido sou
Muito me lamentei
De viver outro amor
Mas nem uma, nem outra amei

Na verdade a dor
É porque muito amei
A quem nunca me amou
E isso sempre neguei

Me esqueça por favor
Todos os magoados achei
Ajudei-os em seu amor
E, agora, sozinho fiquei

Quando precisei de calor
Frio foi o que achei
E agora que não quero amor
Na solidão te encontrei

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Estrada Real (de Cunha até Paraty)



Pé na terra
Descarregando as energias
Meio do mato
Total integração com a natureza

Vejo uma paisagem linda
Montanhas com o mar ao fundo
Ao meu lado uma cachoeira
Com sua água gélida
Que lava a alma e leva embora as energias ruins

Parece que estou no paraíso
Mas não é
Só se for o paraíso terrestre

Sigo pela estrada que me mostra o caminho do mar
Logo estarei me banhando em límpida água salgada
A estrada tem a melhor vista que eu já vi
A preservação da estrada é péssima
Melhor assim
Afasta a massa que leva a poluição
E destrói a natureza

No fim da estrada lá está Paraty
Com toda sua importância histórica
Seus monumentos
Suas estórias reais
E da realeza

Fim de tarde
O sol se escondendo
Hora de partir
Voltar para a “civilização”
O caos diário

Ligo a moto
Já sinto saudades de toda essa paz
Do ar puro
Saio devagar
Deixo para trás uma parte de mim
De minha alma
Que não quer voltar
Mas espera ansiosamente que eu volte

sábado, 25 de setembro de 2010

Inabalável


O nosso amor é forte
Vejo isso pois ele supera a mesmice
Supera o dia a dia
Que por mais que tentemos
Não conseguimos afastar de nosso relacionamento

Vejo a força do nosso amor em tudo
Desde a comida que eu gosto
Até a mais "caliente" surpresa

E assim, ao seu lado, vejo de forma clara
Que não há no mundo todo
Algo mais forte do que o nosso amor

Nem mesmo as dificuldades
Nem brigas, nem ciúmes
Nem mesmo a distância
Conseguem abalar o amor que temos

Pois a cada solução de um problema
A cada reconciliação
Ou reencontro
Parece que te amo ainda mais do que antes

E te tendo em meus braços
Beijando sua boca
Vejo o quanto somos felizes

domingo, 15 de agosto de 2010

Premonição


Ainda hoje penso
Como cheguei tão longe
Antes de te conhecer?

Não sei como tive vontade
Assim como coragem
Para levantar todos os dias
Sair e voltar para casa
Se não era para voltar ao teu encontro

Não sei de onde veio o desejo
De lutar todos os dias
Por um futuro melhor
Se não planejava nada contigo

Talvez fosse uma premonição de estar contigo
A fé que tinha de encontrar você
A mulher que sempre quis ao meu lado

domingo, 27 de junho de 2010

O que eu sempre quis


É inevitável
Ao te olhar
Meu coração acelera
Como na primeira vez que eu te vi
Fico com aquela sensação gostosa
De ser feliz e de querer estar junto

Mais de um ano contigo
E nada mudou
Bem, na verdade mudou
Aprendi a gostar ainda mais de você

E hoje, com certeza
Posso dizer que você é o amor que eu sempre quis

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Indo dormir


Saudades de estar ao teu lado
De te ver ir fechando os olhos
Enquanto eu tento puxar conversa
De sentir seu pé gelado
Tentando se esquentar na minha perna
De sentir seu abraço
Sentir sua respiração

Saudades de dormir ao teu lado
Abraçado

segunda-feira, 8 de março de 2010

Post duplo

Primeiro quero deixar meus parabéns a todas as mulheres, não apenas pelo seu dia, mas por todos os dias.

E, também, pedir a ajuda de todos, conforme sua possibilidade na Campanha Viva Henrique, que agora está com uma rifa para ajudar a esta linda criança a ir para casa.


Aqui mesmo pelo blog vocês podem ler mais sobre a campanha, bem como no próprio blog do Henrique.

Como sempre, agradeço a ajuda de todos.

E, de coração, desejo que as mulheres sejam de fato mais valorizadas todos os dias!

Bjaum

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Muito bem


Estou me sentindo bem, muito bem
Como há muito não me sentia
Talvez nunca tenha estado assim
Já estive bem algumas vezes
Mas nunca era o bastante
Agora tenho você comigo
E nossos sentimentos são recíprocos
De forma que me fazem ver
Que desta vez estou feliz
Meu coração está repleto de amor
E que eu achei o que estava procurando
Olho para você e tenho a certeza que
Estou me sentindo bem, muito bem